Azoto vs Ar

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Azoto vs Ar

Mensagem  nando em Seg 24 Ago 2009, 10:57

Boas,
Já aqui alguem encheu os pneus com azoto??
Tive a pesquisar na net e dizem que dá mais segurança, os pneus não sofrem tanto desgaste, o combustivel diminui, a pressão é constante.
Será que é verdade??
Será que vale a pena encher com azoto??
Se alguem já experimentou que dé a sua opinião

Espero ter colocado este topico no sitio certo



Abraço

nando

Data de inscrição : 20/08/2009
Idade : 30
Localização : Porto

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Azoto vs Ar

Mensagem  henri em Seg 24 Ago 2009, 11:59

nando escreveu:Boas,
Já aqui alguem encheu os pneus com azoto??
Tive a pesquisar na net e dizem que dá mais segurança, os pneus não sofrem tanto desgaste, o combustivel diminui, a pressão é constante.
Será que é verdade??
Será que vale a pena encher com azoto??
Se alguem já experimentou que dé a sua opinião

Espero ter colocado este topico no sitio certo



Abraço

wow Shocked Shocked nunca tinho ouvido falar de tal coisa...

henri

Data de inscrição : 14/03/2009
Idade : 28
Localização : Lisboa

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Azoto vs Ar

Mensagem  RickyFMX em Seg 24 Ago 2009, 17:12

Eu já tinha ouvido falar disso, mas nunca conheci ninguém que o comprovasse!

Num sei se isso não serão teorias, que na pratica não funcionam bem assim.... de qualquer maneira também não tenho conhecimento de como nem onde tenho bombas que me encham os pneus com azoto! Wink

_________________
Ricardo
Honda Hornet F4

RickyFMX

Data de inscrição : 26/08/2008
Idade : 39
Localização : Lisboa

http://www.supermoto-portugal.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Azoto vs Ar

Mensagem  nando em Seg 24 Ago 2009, 18:59

Tambem nao sei se é verdade mas o que é certo é que na formula 1 e avioes usam o azoto, nao sei se nas motas usam.
Eu já encontrei um sitio para encher com azoto, levam 5€ para encher os 2 pneus, gostava era de saber se valerá a pena.

nando

Data de inscrição : 20/08/2009
Idade : 30
Localização : Porto

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Azoto vs Ar

Mensagem  Mr_Trecolareco em Seg 24 Ago 2009, 21:10

Dizem que tem menos humidade, mantem o pneu mais tempo com a mesma pressão e temperatura mais estável, é mais caro, não se pode verificar a pressão em qualquer bomba de gasolina e nos carros trocam as carrapetas por umas verdes para não haver enganos.

Acredito que em pista ou pessoas que andem sempre no "aço" compense o investimento...

Pessoalmente não gasto os meus €'s nisso.

Mr_Trecolareco

Data de inscrição : 28/08/2008
Localização : Lisboa

http://www.trackfreeks.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Azoto vs Ar

Mensagem  charuto envenenado em Ter 01 Set 2009, 16:09

eu ja fiz isso na minha mota e no meu carros
na minha opiniao axo k é treta n notei nenhuma diferença em nada mesmo

charuto envenenado

Data de inscrição : 11/11/2008

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Azoto vs Ar

Mensagem  Pedro Pinto em Ter 01 Set 2009, 17:08

tendo em conta que o ar da atmosfera tem quase 80% de Azoto não sei se a diferença para o pneu cheio com 100% faz alguma diferença significativa

Pedro Pinto

Data de inscrição : 26/02/2009
Idade : 31
Localização : Lisboa

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Azoto vs Ar

Mensagem  Totisso em Qui 17 Fev 2011, 14:04

A bem da verdade, a temperatura que o pneu atinge através do atrito com a estrada é de modo tão elevada que acaba por aquecer seu interior. Quando em seu interior possui ar comprimido, este mesmo ar tem um teor de humidade em cerca de 80%. Com a temperatura elevada o ar expande, aumentando significativamente a pressão dos pneus, causando assim a perda desta mesma pressão quando o pneu arrefece.
Quando em seu interior possui azoto, este gas é isento de humidade e com isso, sua temperatura se mantém não alterando a pressão dos pneus. Por não haver alteração em sua presão, os pneus mantem o mesmo formato (de frio), produzindo assim uma melhor condução, seja nas motocicletas, nos automóveis ou em que veículo for. Com isso, o desgaste dos pneus diminui gerando assim uma economia maior do combustível..
Se o azoto não fizesse diferença, os aviões e principalmente os pneus de alta competição utilizariam ar comprimido normal..

Totisso

Data de inscrição : 17/02/2011

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Azoto vs Ar

Mensagem  jeremy em Qui 17 Fev 2011, 14:20

hmmmm
nunca ouvi tal coisa :S
mas alguem sabe onde podemos meter esse dito ar?!

jeremy

Data de inscrição : 24/03/2010
Idade : 24

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Azoto vs Ar

Mensagem  Jorge Dias em Qui 17 Fev 2011, 14:45

Totisso escreveu:A bem da verdade, a temperatura que o pneu atinge através do atrito com a estrada é de modo tão elevada que acaba por aquecer seu interior. Quando em seu interior possui ar comprimido, este mesmo ar tem um teor de humidade em cerca de 80%. Com a temperatura elevada o ar expande, aumentando significativamente a pressão dos pneus, causando assim a perda desta mesma pressão quando o pneu arrefece.
Quando em seu interior possui azoto, este gas é isento de humidade e com isso, sua temperatura se mantém não alterando a pressão dos pneus. Por não haver alteração em sua presão, os pneus mantem o mesmo formato (de frio), produzindo assim uma melhor condução, seja nas motocicletas, nos automóveis ou em que veículo for. Com isso, o desgaste dos pneus diminui gerando assim uma economia maior do combustível..
Se o azoto não fizesse diferença, os aviões e principalmente os pneus de alta competição utilizariam ar comprimido normal..

Boa explicação Totisso, mas deves fazer a tua apresentação primeiro no sitio indicado Cool

Jorge Dias

Data de inscrição : 13/10/2009
Idade : 50
Localização : Entroncamento/Torres novas

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Azoto vs Ar

Mensagem  jeremy em Qui 17 Fev 2011, 14:57

bem fiz uma pesquisa durante a aula de multimédia e encontrei isto Razz

"benefícios do enchimento com Azoto / Nitrogénio:[/size]

Ambos são a mesma coisa.

Economia:

- Evita a deterioração das telas por oxidação.

- Pressão constante e estabilizada, prolongando assim a vida do pneu entre 10% a 20%.

- Menor resistência ao rolamento, traduzindo-se em economia de combustível motivado por não circular com baixa pressão.

- Esta isento de humidade, assim elimina-se ou minimiza-se a corrosão devido à presença existente de água no ar comprimido.

Segurança:

- Pressão constante a qualquer temperatura, permite conduzir com mais segurança em qualquer tipo de estrada e estilo de condução.

- Reduz os rebentamentos dos pneus associados a pressão e temperaturas inadequadas.

- Ar desoxigenado para enchimento de pneus é obrigatório para veículos que transportem produtos perigosos por estrada, também utilizado na aviação e na competição.

Meio Ambiente:

O Nitrogénio não tem efeitos negativos no meio ambiente. O ar contém cerca de 80% de nitrogénio e está isento de óleo, o que não acontece com o ar comprimido; Por outro lado, a diminuição do consumo de combustível e o aumento de vida dos pneus, reduz a quantidade de detritos e emissões poluentes.

Mais algumas razões para utilizar nitrogénio para insuflação dos pneus:

- O oxigénio (presente no ar em cerca de 20%), é um dos gases de maior velocidade de difusão, originando, assim, uma perda de pressão de enchimento através da própria borracha do pneu.
- A humidade do ar dá origem ao envelhecimento acelerado do pneu, provocando a oxidação dos seus componentes internos (borracha, válvula e até a própria jante) e, também, a perda de pressão do enchimento.
- Os resíduos de óleo provenientes do compressor, em combinação com o oxigénio existente no interior do pneu, formam uma mistura inflamável, que está na origem de mais de 75% dos rebentamentos de pneus por explosão espontânea em virtude do aumento da temperatura.
- Com o ar comprimido, o pneu sofre uma deformação com o aumento da temperatura, e um consequente aumento da pressão que resulta num desgaste anormal da sua camada externa, logo uma vida útil mais curta.
- O ar comprimido, que tradicionalmente utiliza para o enchimento dos seus pneus, contém elementos “indesejáveis” com oxigénio, que limitam as prestações e a vida útil do pneu.



isto e um comentário que encontrei:

Permitam-me dizer algo sobre isto. A minha opinião é a de quem já estudou um pouco destas matérias.

Azoto e Nitrogénio são a mesma coisa, um gás que é 80% da atmosfera que respiramos.
A perda de pressão é menor pela borracha mas e se a válvula está a vedar mal, vai deixar sair à mesma. Um furo acontece à mesma, como todos os danos que são responsáveis pelo fim de vida de um pneu.
Essa suposta menor perda de pressão torna-se um mau hábito dos condutores: a inspecção visual semanal deixa de se fazer, virando costas ao equipamento mais importante do veículo. Na aeronáutica, está visto que este procedimento de Azoto resulta, pois no ambiente de 10-30 mil pés a pressão exterior é muito baixa, forçando a difusão do Oxigénio através da espessura do pneu.

O Oxigénio realiza um ataque químico à borracha e à jante: correcto. Mas quem até hoje deitou pneus fora por perder qualidades? Essa é a razão pela qual se utiliza Azoto nos pneus industriais (camiões de pedreiras,por exemplo), porque estes são tão caros que a recauchutagem é a única solução.
Óleo no ar do compressor? Hoje em dia os filtros não têm quase manutenção e são muito eficazes...A teoria da explosão só pode resultar se fosse fornecida energia suficiente ao sistema: um travão incandescente - válido nos veículos pesados - mas impossível num ligeiro.

Pressão constante a qualquer temperatura: erro técnico! A lei da Termodinâmica não pode validar este preconceito. A pressão aumenta com a temperatura em qualquer gás.

Por isso meus caros: não gastem dinheiro com Azoto, encham os pneus numa qualquer bomba - façam-no todas as vezes que vão à bomba, é muito mais útil e é grátis.
Alinhem a direcção em cada revisão - o desgaste do pneu e a segurança são muito mais favorecidos."




jeremy

Data de inscrição : 24/03/2010
Idade : 24

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Azoto vs Ar

Mensagem  Totisso em Qui 17 Fev 2011, 18:45

Jorge Dias escreveu:
Totisso escreveu:A bem da verdade, a temperatura que o pneu atinge através do atrito com a estrada é de modo tão elevada que acaba por aquecer seu interior. Quando em seu interior possui ar comprimido, este mesmo ar tem um teor de humidade em cerca de 80%. Com a temperatura elevada o ar expande, aumentando significativamente a pressão dos pneus, causando assim a perda desta mesma pressão quando o pneu arrefece.
Quando em seu interior possui azoto, este gas é isento de humidade e com isso, sua temperatura se mantém não alterando a pressão dos pneus. Por não haver alteração em sua presão, os pneus mantem o mesmo formato (de frio), produzindo assim uma melhor condução, seja nas motocicletas, nos automóveis ou em que veículo for. Com isso, o desgaste dos pneus diminui gerando assim uma economia maior do combustível..
Se o azoto não fizesse diferença, os aviões e principalmente os pneus de alta competição utilizariam ar comprimido normal..

Boa explicação Totisso, mas deves fazer a tua apresentação primeiro no sitio indicado Cool

Peço imensas desculpas.. Não sabia que precisaria me apresentar.. Vou fazer isso mesmo agora..

Totisso

Data de inscrição : 17/02/2011

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Azoto vs Ar

Mensagem  Totisso em Qui 17 Fev 2011, 18:50

jeremy escreveu:bem fiz uma pesquisa durante a aula de multimédia e encontrei isto Razz

"benefícios do enchimento com Azoto / Nitrogénio:[/size]

Ambos são a mesma coisa.

Economia:

- Evita a deterioração das telas por oxidação.

- Pressão constante e estabilizada, prolongando assim a vida do pneu entre 10% a 20%.

- Menor resistência ao rolamento, traduzindo-se em economia de combustível motivado por não circular com baixa pressão.

- Esta isento de humidade, assim elimina-se ou minimiza-se a corrosão devido à presença existente de água no ar comprimido.

Segurança:

- Pressão constante a qualquer temperatura, permite conduzir com mais segurança em qualquer tipo de estrada e estilo de condução.

- Reduz os rebentamentos dos pneus associados a pressão e temperaturas inadequadas.

- Ar desoxigenado para enchimento de pneus é obrigatório para veículos que transportem produtos perigosos por estrada, também utilizado na aviação e na competição.

Meio Ambiente:

O Nitrogénio não tem efeitos negativos no meio ambiente. O ar contém cerca de 80% de nitrogénio e está isento de óleo, o que não acontece com o ar comprimido; Por outro lado, a diminuição do consumo de combustível e o aumento de vida dos pneus, reduz a quantidade de detritos e emissões poluentes.

Mais algumas razões para utilizar nitrogénio para insuflação dos pneus:

- O oxigénio (presente no ar em cerca de 20%), é um dos gases de maior velocidade de difusão, originando, assim, uma perda de pressão de enchimento através da própria borracha do pneu.
- A humidade do ar dá origem ao envelhecimento acelerado do pneu, provocando a oxidação dos seus componentes internos (borracha, válvula e até a própria jante) e, também, a perda de pressão do enchimento.
- Os resíduos de óleo provenientes do compressor, em combinação com o oxigénio existente no interior do pneu, formam uma mistura inflamável, que está na origem de mais de 75% dos rebentamentos de pneus por explosão espontânea em virtude do aumento da temperatura.
- Com o ar comprimido, o pneu sofre uma deformação com o aumento da temperatura, e um consequente aumento da pressão que resulta num desgaste anormal da sua camada externa, logo uma vida útil mais curta.
- O ar comprimido, que tradicionalmente utiliza para o enchimento dos seus pneus, contém elementos “indesejáveis” com oxigénio, que limitam as prestações e a vida útil do pneu.



isto e um comentário que encontrei:

Permitam-me dizer algo sobre isto. A minha opinião é a de quem já estudou um pouco destas matérias.

Azoto e Nitrogénio são a mesma coisa, um gás que é 80% da atmosfera que respiramos.
A perda de pressão é menor pela borracha mas e se a válvula está a vedar mal, vai deixar sair à mesma. Um furo acontece à mesma, como todos os danos que são responsáveis pelo fim de vida de um pneu.
Essa suposta menor perda de pressão torna-se um mau hábito dos condutores: a inspecção visual semanal deixa de se fazer, virando costas ao equipamento mais importante do veículo. Na aeronáutica, está visto que este procedimento de Azoto resulta, pois no ambiente de 10-30 mil pés a pressão exterior é muito baixa, forçando a difusão do Oxigénio através da espessura do pneu.

O Oxigénio realiza um ataque químico à borracha e à jante: correcto. Mas quem até hoje deitou pneus fora por perder qualidades? Essa é a razão pela qual se utiliza Azoto nos pneus industriais (camiões de pedreiras,por exemplo), porque estes são tão caros que a recauchutagem é a única solução.
Óleo no ar do compressor? Hoje em dia os filtros não têm quase manutenção e são muito eficazes...A teoria da explosão só pode resultar se fosse fornecida energia suficiente ao sistema: um travão incandescente - válido nos veículos pesados - mas impossível num ligeiro.

Pressão constante a qualquer temperatura: erro técnico! A lei da Termodinâmica não pode validar este preconceito. A pressão aumenta com a temperatura em qualquer gás.

Por isso meus caros: não gastem dinheiro com Azoto, encham os pneus numa qualquer bomba - façam-no todas as vezes que vão à bomba, é muito mais útil e é grátis.
Alinhem a direcção em cada revisão - o desgaste do pneu e a segurança são muito mais favorecidos."



Boa tarde à todos..
A mensagem acima do amigo Jeremy contém as informações bem detalhadas em relação aquilo que escrevi.. As informações são as mesmas..
Quanto às considerações finais para não gastarmos dinheiro com Azoto, bem, é uma questão de ponto de vista/opinião.. Logicamente cada um faz aquilo que acha que é certo..

Totisso

Data de inscrição : 17/02/2011

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Azoto vs Ar

Mensagem  pedrotiago em Qui 17 Fev 2011, 22:55

jeremy escreveu:(...)

Pressão constante a qualquer temperatura: erro técnico! A lei da Termodinâmica não pode validar este preconceito. A pressão aumenta com a temperatura em qualquer gás.
(..)

a primeira coisa que pensei quando vi o a 1º mensagem do topico foi mesmo se era possivel a pressao ficar constante, agora ja tenho a certeza que nao é possivel, mas era bom que fosse Laughing

pedrotiago

Data de inscrição : 21/07/2010
Idade : 23
Localização : ~oeiras

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Azoto vs Ar

Mensagem  rossi em Sex 18 Fev 2011, 02:45

Ora, à uns anos deu-me pra fazer isso no carro e o que posso dizer é que não vale mesmo apena gastar os 5 euos nisso, o carro gastava a mesma coisa e o pior é que não podes verificar a pressão dos pneus em qualquér lado.

rossi

Data de inscrição : 30/09/2010
Idade : 33
Localização : Porto

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Azoto vs Ar

Mensagem  Jubalo em Sex 18 Fev 2011, 17:21

Não há nada melhor para comprovar como experimentar....

Jubalo

Data de inscrição : 26/01/2011

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Azoto vs Ar

Mensagem  Apoli em Qui 03 Mar 2011, 22:07

Já usei na minha ktm950sm, azoto em pneus novos.
Resultado: embora acredite que existam diferenças e sim estão comprovadas, eu não notei nenhuma.

Apoli

Data de inscrição : 12/02/2010
Idade : 39
Localização : Lisboa

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Azoto vs Ar

Mensagem  Conteúdo patrocinado Hoje à(s) 06:43


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum